VITÓRIA DUPLA! Em 10 dias de campanha intensa, com muitas mulheres mobilizadas ensinando e aprendendo, a Polícia Civil declarou: a partir de 1° de janeiro de 2018, o subtítulo "feminicídio" constará nos boletins de ocorrência do Rio Grande do Sul inteiro! Esse é só o começo da criação de uma política pública que poderá salvar milhares de vidas. Conseguimos em 24h de pressão que a Secretaria de Segurança do Estado assine a adesão ao Protocolo Latino Americano para Investigação de mortes violentas de mulheres.
SAVE THE DATE: 14 DE SETEMBRO!!
NÚMERO DE VIOLÊNCIA CONTRA MULHER NO RS
11.061 ocorrências de violência física contra a mulher foram registradas só esse ano (PC-RS)*
*até o mês de junho de 2017 | ** desde 2016
JULIANAS E ROSÁLIAS
QUANTAS HISTÓRIAS A MAIS TEREMOS QUE CONTAR?
POR QUE A MINHA PORTO ALEGRE ENTROU NESSA?
A gente já não aguenta tantas vidas virando números e esses números não serem contabilizados da forma correta. É preciso saber quando foi Feminicídio para que isso se transforme em estatísticas úteis , que nos permitam compreender e enfrentar essa violência que vitimiza as mulheres gaúchas todos os dias. Agora que conseguimos o subtítulo nos boletins de ocorrência, vamos lutar por uma investigação justa de feminicídio e disseminar informações em diferentes círculos, porque conhecimento transforma vidas. A Minha Porto Alegre é formada por uma equipe feminista que toca projetos como o Mapa do Acolhimento e o Circuito Mulheres Mobilizadas, e não poderia ficar de fora dessa batalha.